Record quer reaproveitar cenografia de “Rebelde” em “Dona Xepa”

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121220054931.jpg

Vila Lene: bairro fictício criado para “Rebelde” deverá ser reaproveitado em “Dona Xepa”
Embora tenha apresentado uma estrutura inovadora e enxuta de novelas para “Dona Xepa”, que deverá contar com no máximo 90 capítulos, a Record pretende compensar tal novidade com investimentos menos agressivos em seu próximo folhetim.

Segundo a jornalista Anna Ramalho, do “Jornal do Brasil”, a Record pretende reaproveitar ao máximo a cenografia utilizada em “Rebelde”, encerrada em outubro após pouco mais de um ano e meio no ar.

A cidade cenográfica a ser utilizada deverá ser a mesma, com mudanças sensíveis na fachada. Já os cenários internos também ganharão ajustes mas não deverão ser totalmente diferentes dos utilizados na trama de Margareth Boury.

As semelhanças acima não serão as únicas com “Rebelde”. A direção-geral será de Ivan Zettel, que esteve à frente do folhetim adolescente, e vários outros atores do mesmo voltarão ao ar na adaptação de Gustavo Reiz. Diego Montez, Arthur Aguiar, Pérola Faria e Rayana Carvalho também estarão na nova novela.

Em tempo:
Esta não é a primeira vez que a Record reaproveita cenografia para suas produções. “Balacobaco”, que está em cartaz atualmente, tem sua cidade cenográfica reaproveitada de “Vidas em Jogo”. Como o folhetim foi colocado no ar às pressas, com cerca de seis meses de antecedência, fez-se necessária o uso deste artifício. Daniel Clabunde foi o responsável pelo desenho desta.
natelinha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.