Dirigente do Flu diz que reclamações sobre arbitragem passaram do limite

Mosaico da torcida do Atlético-MG com as cores do Fluminense e a sigla da CBF de cabeça para baixo. Atleticanos exibindo montagens com escudo da entidade acusando o Tricolor de favorecimento da arbitragem. E, após o gol de falta anulado de Ronaldinho Gaúcho, gritos de “vergonha” ecoaram pelo estádio Independência. As manifestações, na visão do diretor de futebol tricolor, Rodrigo Caetano, passaram do limite. Para ele, o time não pode ser questionado pelo fato de ser o líder do Campeonato Brasileiro.

– Somos alvos de alguns questionamentos, a equipe que está sendo alvo do adversários, mas dentro de campo. Fora, já está passando do tom. Sobre os erros de arbitragem, já passaram do limite. Ontem vimos mosaico, faixas. Isso gera uma pressão absurda sobre a arbitragem. Em todo jogo do Fluminense ela entra pressionada – disse Rodrigo Caetano, em entrevista à Rádio Brasil.

Torcida Fluminense x Atlético-MG (Foto: Marco Astoni / Globoesporte.com)Mosaico da torcida do Galo acusa Flu de favorecimento da arbitragem  (Foto: Marco Astoni/Globoesporte.com)

O dirigente promete reagir da mesma moeda dos rivais se perceber que as manifestações estão influenciando nos resultados dentro de campo:

– Se de agora adiante o choro trouxer benefício, vamos ter que fazer o mesmo, pontuando os erros dos adversários. Até o momento, mantivemos a coerência. Mas se está impactando, vamos usar as mesmas armas. Confiamos nas comissões de arbitragem e sabemos que os árbitros são seres humanos. Agora, se ficar enaltecendo só os erros nos jogos do Fluminense como se fosse determinante e não a ótima campanha… Essa forma hostil como fomos recebidos pela torcida do Atlético, eu nunca tinha visto. Isso é muito perigoso, já ultrapassou os limites – disse Rodrigo Caetano.

RODRIGO CAETANO (Foto: Edgard Maciel de Sá/Globoesporte.com)
Rodrigo Caetano: erros não determinam liderança
(Foto: Edgard Maciel de Sá/Globoesporte.com)

Dentro de campo, o diretor de futebol do Fluminense considerou normal a derrota para o Atlético-MG por 3 a 2, mas ficou frustrado pela maneira como aconteceu – com um gol no final do jogo. Sobre a renovação de contrato de Abel Braga, que termina no fim do ano, Rodrigo Caetano afirmou que o treinador preferiu conversar sobre o assunto após o Campeonato Brasileiro.

– Já procuramos o Abel e, ele por uma opção pessoal, por foco no título, teve a opção de deixar para conversar mais na frente. Já conversamos sobre o planejamento, que fazemos em conjunto com ele. Não imaginamos não tê-lo para dar seguimento a este trabalho. Essa é a nossa expectativa, esperamos para conversar no momento ideal – disse Rodrigo Caetano.

Já no fim da temporada, Cruzeiro apresenta a nova terceira camisa

O Cruzeiro lançou, na manhã desta segunda-feira, o terceiro uniforme para a temporada. Desde 1995, o clube segue a tradição, inspirada no futebol europeu, de lançar a camisa três. Em toda a história, já foram 11 modelos. A deste ano tem um tom escuro de azul, com as estrelas dentro de um losango branco.

Martinuccio mostra a terceira camisa do Cruzeiro (Foto: Marco Antônio Astoni / Globoesporte.com)Martinuccio mostra a terceira camisa do Cruzeiro (Foto: Marco Antônio Astoni / Globoesporte.com)

O clube também já homenageou a Seleção Brasileira, com uma camisa amarela, em 2010, e relembrou suas origens, com uma camisa verde, em 2011, com o escudo do Palestra Itália.

Estiveram presentes no lançamento o goleiro Fábio e o atacante Martinuccio. O arqueiro celeste mostrou a camisa que poderá usar nos jogos. O novo modelo é grená, com detalhes em azul.

Léo Rosa deixa de roer unha e tira a sobrancelha para viver o Breno de Balacobaco

Léo Rosa mudou o visual para viver Breno em Balacobaco (Foto: Michel Angelo/Rede Record)

Léo Rosa não consegue esconder a empolgação e o entusiasmo ao falar de Balacobaco. A história da novela já conquistou o ator, que dá vida ao personagem Breno Pedrosa, um jovem deslumbrado e que sonha com o mundo dos famosos.

Para viver Breno, Rosa teve que mudar alguns comportamentos e fazer sacrifícios. Seu personagem cuida muito da beleza e está ligado em todas as tendências de moda. Mas, segundo o ator, tudo está valendo a pena.

— Nunca tive forças para parar de roer unha. Parei por causa do Breno. E também comecei a fazer a sobrancelha. É o maior desafio que eu já recebi de um personagem!

Na trama, Breno é amigo e grande incentivador de Patrick (Thierry Figueira), um jovem que sonha em ser ator e ficar muito famoso. De acordo com Rosa, ele se identifica muito com a história do amigo de seu personagem.

— No começo da carreira, eu não conseguia viver como ator e precisava fazer outras coisas. Eu era como o Patrick. Tinha que fazer um bico de estátua viva, fazia evento trabalhando como garçom, enfim, dava um jeito de ganhar a vida.

Rosa foi descoberto no teatro por um produtor da Record e já estreou na televisão como protagonista, interpretando o personagem Miguel Campobello na novela Vidas Opostas. Em seu último trabalho, Rosa viveu Absalão na minissérie Rei Davi .

Apaixonado pela trama de Balacobaco, Rosa diz que não vai perder a novela e recomenda que todos façam o mesmo.

— Balacobaco tem uma história leve e muito divertida que merece ser acompanhada!

“The Voice Brasil” segue com altos índices de audiência na Globo

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121022090437.jpg

Completando um mês no ar nesta semana, o “The Voice Brasil”, uma das maiores apostas da Globo para a reta final deste ano, segue alcançando altos índices de audiência.

O reality-show musical vem se destacando na disputa pela preferência do telespectador e se mantém  na liderança com ampla folga sobre seus concorrentes.

Neste domingo (21), por exemplo, o “The Voice Brasil” fechou com média de 16 pontos no Ibope. O SBT, segundo colocado do horário, teve 6. Já a Record veio logo em seguida, com 4 pontos.

Estes índices são prévios e são baseados na preferência de um grupo de telespectadores da Grande São Paulo. Dados consolidados podem mudar para mais ou para menos.

natelinha

Clubes de futebol ficarão de fora da licitação do novo Maracanã

O Governo do Rio divulgou nesta segunda-feira as regras iniciais para os interessados no processo de licitação do Maracanã. A princípio, clubes de futebol não podem participar nem montar consórcio, já que a intenção do Estado é que todos os clubes possam utilizar o estádio. O período de concessão será de 35 anos.

 

Quem vencer o processo licitatório terá de pagar R$ 7 milhões anuais ao Estado como outorga, além de investir R$ 469 milhões na modernização do Maracanãzinho – que terá sua capacidade reduzida de 11.424 para 9.914 pessoas -, construção do novo Célio de Barros e do novo Parque Aquático Júlio de Lamare – que serão demolidos – e na construção também de uma área de lazer com bares e restaurantes no complexo.

 

A previsão é de que até o início de 2013 o processo licitatório seja concluído. A audiência pública que marcará o início do processo ocorrerá no dia 8 de novembro e, dois dias úteis depois, o Governo do Estado publicará o edital.

Aguinaldo Silva diz que volta às novelas em 2014

https://i0.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121021193157.jpg

O autor Aguinaldo Silva já tem data para voltar a escrever novelas.
 
Em seu Twitter, o novelista disse que em 2014 deverá estrear sua próxima trama na Globo.
 
“Já tenho data marcada: outubro de 2014”, escreveu Aguinaldo, que teve sua última novela exibida entre 2011 e o início de 2012, “Fina Estampa”.
 
Ele também aproveitou para parabenizar o autor João Emanuel Carneiro pelo sucesso de “Avenida Brasil”.
 
“Parabéns a João Emanoel Carneiro, que ousou e inovou em ’Avenida Brasil’ e teve como recompensa um grande sucesso. E agora, Salve Glória!”, escreveu.
natelinha

Nanda Costa contraria assessora e posa com moradores do Alemão

https://i2.wp.com/natelinha.uol.com.br/img/pag/315x265/img20121022090342.jpg

Nanda Costa posa com fãs no Complexo do Alemão – Divulgação/Globo

Intérprete da Morena, protagonista de “Salve Jorge”, Nanda Costa não tem demonstrado receios em se aproximar do público independente de onde está.

Neste último domingo (21), a atriz e outros colegas de elenco da nova novela das nove foram ao Complexo do Alemão, que servirá de cenário para a história, e posaram para fotos com fãs.

Um dos profissionais ligados a Nanda recomendou que ela não tirasse foto junto aos telespectadores e que acompanhasse a movimentação de longe: “No meio da galera é perigoso!”. Nanda ignorou a dica e foi até o meio dos fãs para uma sequência de fotos.

Além de Nanda Costa, também foram ao Complexo do Alemão para divulgar “Salve Jorge” as atrizes Dira Paes, Flávia Alessandra e o ator Tiago Abravanel.

natelinha